quarta-feira , 14 novembro 2018
Home / Cultura / Cine Cultura exibe a mostra ‘50 Anos de Maio de 1968’

Cine Cultura exibe a mostra ‘50 Anos de Maio de 1968’

Um dos períodos mais turbulentos, que ecoou em vários países do mundo, será revivido na tela do Cine Cultura a partir desta terça-feira, 23/10, na mostra 50 Anos de Maio de 68. A programação é composta por nove produções, entre longas, médias e curtas-metragens, que serão exibidas até quinta-feira, dia 25/10, com entrada gratuita.

Os filmes trazem à tona o contexto e alguns dos valores da época. São um retrato da revolta de estudantes parisienses, descontentes com o sistema educacional e com a situação social e política da França durante o governo do general Charles de Gaulle. A revolta gerou um protesto estudantil que, mais tarde, recebeu a adesão de trabalhadores e culminou em um confronto entre 13 mil jovens e a polícia em 6 de maio de 1968.

As obras possuem temas variados, como política, dramas cotidianos e casos policiais. Entre elas estão o clássico Terra em transe (1967), de Glauber Rocha, que faz duras críticas à ditadura; O bandido da luz vermelha (1968), de Rogério Sganzerla, entre outros.

O Cine Cultura é uma unidade da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Seduce) e funciona no prédio do Centro Cultural Marietta Telles Machado, na Praça Cívica, Centro.

 

Confira a programação da mostra de 23 a 25/10:

Dia 23/10:

– 16h: Longe do Vietnã

Direção: Jean-Luc Godard, Chris Marker, Alain Resnais, Agnès Varda, Joris Ivens, William Klein, Claude Lelouch

Sinopse:

Sete grandes cineastas se unem para realizar um documentário sobre o Vietnã, demonstrando, em seus respectivos segmentos e curtas, suas preocupações, seus pensamentos, suas críticas e o seu apoio ao povo do Vietnã do Norte, a parte socialista do país, que, à época, resistia bravamente à invasão norte-americana e aos ataques do Vietnã do Sul, capitalista, e tentava sobreviver ao conflito que ficou conhecido como a Guerra do Vietnã.

 

– 18h15: O Bandido da Luz Vermelha

Direção: Rogério Sganzerla

Sinopse:

Livremente inspirado em fatos reais. Um assaltante misterioso (Paulo Villaça) usa técnicas extravagantes para roubar casas luxuosas de São Paulo. Ele é apelidado pela imprensa de “Bandido da Luz Vermelha”, já que traz sempre uma lanterna vermelha e conversa longamente com suas vítimas. No entanto, seus roubos e crimes chamam tanta atenção que um implacável policial começa a perseguir o “Bandido da Luz Vermelha”.

 

– 20h: A Confissão

A Confissão (L’aveu, em francês, ou La confessione, em italiano) é um filme franco-italiano de 1970, do gênero drama biográfico, realizado por Constantin Costa-Gavras. Baseada em romance de Artur London, a obra conta as memórias de Arthur London, um político checoslovaco, e obteve um poder de convicção intenso e penoso devido à identificação do protagonista Yves Montand no desempenho do seu papel. Um epílogo, onde foi posto um fim totalitário à Primavera de Praga, coloca acontecimentos em perspectiva desoladora.

 

Dia 24/10

– 16h: Sympathy For The Devil

Direção: Jean-Luc Godard

Sinopse:

O cultuado diretor francês Jean-Luc Godard comanda este documentário sobre os britânicos The Rolling Stones, banda criada nos anos 1960 como ícone da contra-cultura. O diretor analisa outras banda influentes, o papel da mídia, a sociedade tecnocrata, a liberação feminina e a força da linguagem. Ou seja, revela aspectos importantes que marcaram uma geração.

 

– 18h15: Easy Rider: Sem Destino

Direção: Dennis Hopper

Sinopse:

Wyatt (Peter Fonda) e Billy (Dennis Hopper) são motoqueiros que viajam pelo sul dos Estados Unidos. Após levarem drogas do México até Los Angeles, eles as negociam com um homem em um Rolls-Royce. Com o dinheiro, a dupla parte rumo ao leste, na esperança de chegar a Nova Orleans a tempo para o Mardi Grass, um dos Carnavais mais famosos em todo o planeta.

 

– 20h: SE…

Direção: Lindsay Anderson

Sinopse: Em uma escola pública inglesa estuda o jovem Mick Travis (Malcolm McDowell). Ele lidera um grupo de alunos rebeldes, os Crusaders. Insatisfeitos com o opressor sistema educacional, eles planejam uma grande vingança.

 

Dia 25/10:

– 16h: Partner

(Itália, 1968, 105 min, DVD). Direção: Bernardo Bertolucci, com Pierre Clémenti, Tina Aumont, Sergio Tofano e outros.

Sinopse:

Realizado durante o auge do movimento estudantil de 1968, Partner é um dos filmes mais radicais do cineasta italiano Bernardo Bertolucci. Esta edição especial apresenta o filme em versão restaurada, com quase uma hora de extras, incluindo entrevista com o diretor. Baseando-se livremente na obra O duplo, de Dostoiévski, o filme conta a história de um estudante com ideias revolucionárias, cuja existência solitária é abalada pelo aparecimento de seu duplo, que o incentiva a ter um maior engajamento político.

 

– 18h15: Manhã Cinzenta + Oratório Para Praga + Blablabla

Manhã Cinzenta, de Olney São Paulo

Sinopse:

Baseado em conto homônimo de Olney São Paulo, e que levou seu realizador aos porões da ditadura, a obra é um espelho do poder e da repressão, ambientado em um país fictício da América Latina. Retrata um casal de estudantes que segue para uma passeata onde o rapaz, um militante, lidera um comício. Eles são presos, torturados na prisão e sofrem um inquérito absurdo dirigido por um robô e um cérebro eletrônico.

 

Oratório Para Praga

Direção: Jan Nemec

Sinopse:

Um documento único da invasão soviética na Tchecoslováquia em 1968, o roteiro começa como um documentário sobre a liberação da Tchecoslováquia e torna-se o registro da entrada dos tanques russos em Praga. O único material filmado da invasão soviética, sendo visto por mais de 600 milhões de pessoas quando exibido na televisão, e foi a primeira informação de que o exército soviético não tinha sido “convidado a entrar”. O filme inclui cenas nunca antes vistas da Primavera de Praga antes da invasão.

 

Blablabla

(Brasil, 1968, 30 min, DVD). Direção de Andrea Tonacci.

Sinopse:

Brasil, final da década de 1968. Após o golpe militar que pôs a democracia brasileira em suspensão, uma ditadura é instaurada no país, reprimindo e oprimindo seus adversários, gerando uma atmosfera de tensão da qual ninguém poderia sair ileso: nem os políticos, nem os guerrilheiros revolucionários e nem o povo, preso no meio do combate.

 

– 20h: Terra em Transe

(Brasil, 1967, 106 min, DVD). Direção de Glauber Rocha, com Jardel Filho, Paulo Autran, Glauce Rocha e outros.

Sinopse:

No fictício país de Eldorado, o jornalista e poeta Paulo se vê diante de diversas forças políticas que lutam pelo poder. Porfírio Diaz é um político de direita e paternalista; dom Felipe Vieira, um político populista; e Julio Fuentes, dono de um império de comunicação.

 

Veja Também

45472825_1835832043159323_3463481401523830784_n.jpg

Finais do Goiano de Handebol 2018: confira os confrontos do fim de semana em Trindade

Com as 3 fases classificatórias já realizadas, as finais do Goiano de Handebol 2018 acontecem neste final de semana, dos dias 15 a 17, em Trindade. Os confrontos ocorrerão no Ginásio Amando Greco e Colégio Aphonsiano. Leia também! AERV Rio Verde e Força Atlética vencem 1ª etapa do Goiano de Handebol 2018 Confira todos os […]

O post Finais do Goiano de Handebol 2018: confira os confrontos do fim de semana em Trindade apareceu primeiro em Esporte Goiano.