quarta-feira , 20 fevereiro 2019
Home / Esporte / Contrato com a Globo e impacto nas finanças com possível acesso: Ney Franco avalia tema

Contrato com a Globo e impacto nas finanças com possível acesso: Ney Franco avalia tema

Um possível acesso para a Série A triplicaria as finanças do GEC para 2019. O contrato com a Globo se encerra nesta atual temporada, mas levando em conta o que o Goiás tem para o ano que vem, seria 6 ou 70 milhões, podendo ser 10 vezes mais. O técnico do Verde, Ney Franco, revelou que já está ciente dos dados.

Leia mais do Verde!

— Sabemos dessa realidade. Quando fui contratado, nas conversas sobre o projeto, tratamos do tema. Isso aumenta a responsabilidade já que temos uma estrutura física enorme. Os atletas também tem essa informação, mas não é um tema recorrente, temos que tirar o peso deles — disse.

Ney ainda comentou sobre a etapa final da Série B e elogiou o trabalho do departamento médico alviverde. ”Tem que estar bem no aspecto físico, técnico e até disciplinar. Nosso DM não tem muitos problemas, isso é ótimo. Temos apenas um jogador se recuperando que é o Victor Ramos, algo muscular”, completa.

Sobre o próximo adversário na competição, o Juventude, nesta sexta, 12, fora de casa, o técnico esmeraldino opinou: ”A equipe deles tem a necessidade de vencer jogando em casa. Tem que se lançar e propor o jogo. Sabemos que o aproveitamento deles em casa não está alto, mas isso muda. A característica deles alterou, antes era mais de força física, agora é técnica”, finaliza.

O Goiás é 2º colocado na classificação geral do Brasileiro da Série B, 50 pontos ganhos. O GEC não perde há quatro partidas.

O post Contrato com a Globo e impacto nas finanças com possível acesso: Ney Franco avalia tema apareceu primeiro em Esporte Goiano.

Veja Também

(Exclusivo)Megacrise na antiga Sefaz: em protesto contra gestão atabalhoada da supersecretária, mais de 60 auditores fiscais entram com pedido de aposentadoria

Crise sem precedentes na antiga Sefaz: por conta de insatisfação com a gestão atabalhoada e sem rumos da supersecretária da Economia, Cristiane Schmidt, mais de 60 auditores fiscais entraram com pedido de aposentadoria. Sem eles, a secretaria para. E o Estado entra no caos total.

O post (Exclusivo)Megacrise na antiga Sefaz: em protesto contra gestão atabalhoada da supersecretária, mais de 60 auditores fiscais entram com pedido de aposentadoria apareceu primeiro em Goiás 24 horas.