quarta-feira , 17 outubro 2018
Home / Notícias / Cidades / Governo não paga Programa Renda Cidadã à prefeituras há 7 meses

Governo não paga Programa Renda Cidadã à prefeituras há 7 meses

  Além dos constantes atrasos nos recursos da saúde, o governo estadual também deixou de cumprir com sua obrigação no repasse dos recursos do Programa Renda Cidadã, que distribui dinheiro para famílias de baixa renda que mantêm crianças matriculadas na rede pública de ensino. A verba é enviada aos municípios, que mantêm os cadastros atualizados e faz a distribuição entre as famílias.

Em uma audiência com o vice-governador José Eliton, que estava no cargo de governador, o prefeito de Goianira, Miller Assis (PSD), cobrou o pagamento do programa. “Na audiência com o governador em Exercício José Eliton (PSDB), solicitei o pagamento do Renda Cidadã aos beneficiários do programa em Goianira”, contou o prefeito em sua conta no Twitter. Em Goianira, o atraso é de sete meses. 
Com o alto endividamento do governo de Marconi Perillo (PSDB) e a dificuldade de manter as contas em dia, a secretária da Fazenda, Ana Carla Abrão, faz um trabalho de ‘enxugar gelo’. Para manter o pagamento do funcionalismo todo dia 10 de cada mês, ela escolhe contas para pagar e acaba deixando outras em atraso. É o caso também do pagamento das organizações sociais (OS) que administram os hospitais do Estado, assim como dos repasses da saúde aos municípios.

Veja Também

Anúncio de que Caiado vai trazer consultoria e tecnocratas de outros Estados pata mandar em Goiás é mau sinal para funcionalismo público

A notícia da contratação de consultoria e tecnocratas de outros estados para fazer uma auditória na administração para preparar a transição para o futuro governo Caiado é mau presságio para os servidores. Ou alguém já viu uma consultoria ou um tecnocrata sugerindo medidas que beneficiem o funcionário público?

O post Anúncio de que Caiado vai trazer consultoria e tecnocratas de outros Estados pata mandar em Goiás é mau sinal para funcionalismo público apareceu primeiro em Goiás 24 horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *