sexta-feira , 17 agosto 2018
Home / Notícias / Cidades / JUSTIÇA BLOQUEIA BENS DO PREFEITO DE GOIANIRA

JUSTIÇA BLOQUEIA BENS DO PREFEITO DE GOIANIRA

O PREFEITO CARLÃO ESTÁ COM SEUS BENS BLOQUEADOS PELA JUSTIÇA DEVIDO À DOAÇÃO DO TERRENO DA UPA DO TRIUNFO

Heráclito Aquino

IMG_20180223_150118

A Justiça decretou, no dia 17, de janeiro, o bloqueio de 09 automóveis e cerca de quatro milhões de reais em contas bancárias, do Prefeito de Goianira, Carlos Alberto Andrade Oliveira. O motivo é a suspeita de improbidade administrativa devido ele ter feito a doação da área onde seria construída a “UPA” (Unidade de Pronto Atendimento) no setor Triunfo I. O caso ainda é uma medida cautelar e aguarda a decisão sobre o recurso da defesa apresentado.

O prefeito juntamente com o Genivaldo Pereira da Silva, (funcionário da prefeitura do Município) estão sendo julgados pela pratica dos atos de improbidade administrativa. Juntos podem ter que devolver aos cofres da cidade, uma quantia de R$ 3.257.727,49 (três milhões, duzentos e cinquenta e sete mil, setecentos e vinte e sete reais e quarenta e nove centavos), é o que mostra os documentos liberados pelo Ministério Público de Goianira.

IMG_20180223_150023

Nas redes sociais o fato ocorrido já se espalhou em quase todos os grupos, paginas e blogs da cidade. Na boca das pessoas tudo virou motivo de piada. No entanto muitos cobram e aguardam uma solução. “O Carlão Tem que respeitar essa cidade e o povo e devolver tudo que ele tirou da prefeitura”, afirma Ronaldo messias Junior.

Veja Também

Torneio internacional reúne 170 tenistas em Aparecida de Goiânia

O Torneio Internacional de Tênis do Estado de Goiás, realizado no Country Club, em Aparecida de Goiânia, reuniu 170 jogadores de seis países. A competição sênior, destinada a atletas com idade a partir de 35 anos de idade, teve sua segunda edição em Goiás e conta com a chancela da Federação Internacional de Tênis (ITF). […]

O post Torneio internacional reúne 170 tenistas em Aparecida de Goiânia apareceu primeiro em Esporte Goiano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *