terça-feira , 13 novembro 2018
Home / atlético / Na memória: Goiás vence Dragão, de virada, e sai da lanterna da Série A

Na memória: Goiás vence Dragão, de virada, e sai da lanterna da Série A

Em 2010, a Série A do Brasileirão não havia começado boa para os representantes goianos: Goiás e Atlético. Após quatro rodadas disputadas, ambas equipes somavam um ponto apenas, com o time esmeraldino ocupando a lanterna da competição.

Confira a arbitragem para o clássico de domingo!

Na rodada seguinte, o clássico envolvendo os times agitaria o Serra Dourada. O Dragão, comandado por Geninho, tinha em seu elenco titular nomes como Pituca e Elias, hoje no Vila. Já o Goiás contava com peças importantes, como Tolói e Amaral, sob o comando de Emerson Leão.

No confronto, quem levou a melhor foi o Verde, que venceu, de virada, por 3 a 1. O resultado ainda jogou o rival rubro-negro para a última colocação do campeonato. Aquela competição, no entanto, seguiu complicada para os times, com o Goiás sendo rebaixado ao fim e o Atlético escapando na última rodada.

Atlético larga na frente, mas Goiás busca empate

Após início morno, logo a partida começou a ganhar a atmosfera de clássico, com as equipes se doando ao máximo dentro de campo. Os primeiros minutos serviram para o Dragão mostrar sua eficácia ao abrir o marcador com Elias. O meia marcou seu gol em cobrança de pênalti sofrido por Chiquinho, aos 11.

O Goiás não se deu por vencido e correu atrás do empate. Após várias chances pararem em Márcio, o Verde conseguiu chegar ao seu gol com Romerito. O meia, que não vinha tendo muitas oportunidades com o treinador Leão, recebeu na pequena área, girou e bateu firme, estufando as redes.

Meia brilha novamente e Verde sai vitorioso

Com Romerito, e o Goiás, voltando no mesmo ritmo para a etapa final de partida, logo a virada foi alcançada. Aos 10, o meia conseguiu anotar outro tento ao dominar na linha de fundo, vencer da marcação e bater cruzado, não dando chances para Márcio defender.

O Goiás não parou por aí. Três minutos mais tarde foi a vez de Bernardo comemorar com a torcida esmeraldina. O atleta soltou uma bomba na entrada da área, anotando o terceiro gol do Verde e incendiando o Serra Dourada.

Com a desvantagem no placar, o Dragão se desorganizou em campo. Geninho até tentou forçar uma reação de seu time com alterações, mas sem obter sucesso. O zagueiro Welton Felipe ainda foi expulso de campo ao receber o cartão vermelho, já nos acréscimos.

Ficha técnica:
Atlético 1 x 3 Goiás
5ª rodada da Série A
Data: 30 de maio de 2010
Horário: 18h30
Local: Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)

Árbitro: André Luiz Castro (GO)
Assistentes: Christian Passos (GO) e Jesmar Miranda (GO)
Amarelos: Pituca, Róbston, Welton Felipe, Chiquinho e Jairo (ACG); Ernando e Douglas (GEC)
Vermelho: Welton Felipe (ACG) aos 46′ 2T
Gols: Elias (ACG) aos 13′ 1T (1-0); Romerito (GEC) aos 26′ 1T (1-1) e aos 10′ 2T (1-2); Bernardo (GEC) aos 13′ 2T (1-3)

Atlético: Márcio; Márcio Gabriel (Ayrton), Welton Felipe, Jairo e Chiquinho; Agenor (Boka), Róbston, Pituca e Elias; Marcão (Ramalho) e Juninho.
Técnico: Geninho
Goiás: Rodrigo Calaça; Douglas, Rafael Tolói, Ernando e Jadílson (Wellington Monteiro); Jonílson, Amaral, Romerito e Bernardo; Éverton Santos e Hugo (Wellington Saci)
Técnico: Gilson Kleina

O post Na memória: Goiás vence Dragão, de virada, e sai da lanterna da Série A apareceu primeiro em Esporte Goiano.

Veja Também

Elias reitera confiança no acesso e espera apoio da torcida na reta final

Autor de dois gols na vitória do Vila Nova por 3 a 1 contra o Figueirense, Elias reiterou confiança no acesso colorado nesta segunda (12). O Tigre é o atual 7º na tabela da Série B, distante dois pontos do Avaí, 4º, que tem 57 tentos. O experiente meia também comentou sobre a necessidade da […]

O post Elias reitera confiança no acesso e espera apoio da torcida na reta final apareceu primeiro em Esporte Goiano.