domingo , 24 março 2019
Home / Cultura / Teatro Goiânia recebe As dores e as delícias de Amigas, Pero no Mucho

Teatro Goiânia recebe As dores e as delícias de Amigas, Pero no Mucho

Em especial de Natal, espetáculo chega à sua quarta temporada nos dias 18, 19 e 20/12

Patrocínio da Lei Goyazes

 

Um misto de devaneios, dissimulações e neuroses numa tarde de sábado marca o encontro de quatro amigas, cada uma com uma mala de roupa suja pronta para ser levada. Em Amigas, Pero no Mucho, humor, irreverência e ironia dão o tom de um espetáculo para todo mundo se divertir com uma comédia para deixar todo mundo de riso frouxo. Em sua quarta temporada, especial de natal, a peça tem nova estreia marcada para os dias 18, 19 e 20/12, às 21h, no Teatro Goiânia.

Dirigido pelo diretor e professor de produção cênica Rafael Blat e com patrocínio da Lei Goyazes, da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Seduce), o texto é assinado pela escritora Célia Forte e teve supervisão de ninguém menos que Paulo Autran. Desta vez, as personagens principais serão interpretadas pelos atores Ivan Lima, Mauri de Castro, Jonatas Tavares e Cássio Neves, este último que faz a estreia no espetáculo. A narração de Amigas, Pero No Mucho é feita pela atriz Irene Ravache, no ar atualmente na novela Espelho da Vida (Rede Globo), e madrinha da peça.

No espetáculo, as quatro amigas Débora, Olívia, Fram e Sara se encontram e debatem sobre a vida, seus sabores e dissabores, aventuras e desventuras, o papel da mulher na sociedade contemporânea e as relações de gênero e sexualidade. Com bom humor, trata-se de um formato sitcom com cenário e figurino criado pelo cenógrafo Fábio Marques (o mesmo de Sai de Baixo, da Globo).

“Em tempos tão tumultuados e de extremos como o que estamos vivendo, o texto do espetáculo é leve, divertido e cômico, para falar sobre vários temas que convivemos cotidianamente. É para toda a família rir”, aponta o diretor Rafael Blat. O íntimo diário da mulher moderna será posto no palco, com um texto que apresenta narrativas que contam histórias, discutem temáticas recorrentes nos últimos anos e apresentam diversos desafios sobre o lugar de fala da mulher em tempos conservadores.

De acordo com Blat, a montagem proposta em Goiânia é em uma concepção mais focada no feminino real e na busca da transformação do ator no encontro da mulher. “Será refinada aos moldes de uma sitcom para o teatro. A concepção não caminha para o estereótipo externo e sim para o arquétipo interno das sensações dessas personagens”, diz.

Todas as mulheres de Amigas, Pero no Mucho são identificadas como aquelas que o público encontra na família, nas reuniões de trabalho, na vizinhança ou em ambientes noturnos. “É um texto simples e muito bem amarrado, uma comédia para relaxar em que as pessoas se identificam com as personagens. Fala sobre confiança e amizade, feminilidade e gênero”, reflete Blat.

INGRESSOS

Presente de Natal para toda a família, os ingressos de Amigas, Pero no Mucho estão à venda pelo site tudus.com.br. Também estão distribuídos nos pontos de venda do Shopping Bougainville e no Restaurante Komiketo da Avenida T4, no Setor Bueno. Os ingressos custam R$ 25 (meia) e RS% 50 (inteira).

 

SERVIÇO

Amigas, Pero no MuchoTemporada de Natal

Datas: Dias 18, 19 e 20/12

Horário: 21h

Local: Teatro Goiânia, Avenida Tocantins com Anhanguera, Centro.

Ingressos: R$ 25 (meia) e RS% 50 (inteira)

Pontos de venda: Shopping Bougainville, no Curta Mais e no Restaurante Komiketo da Avenida T4, no Setor Bueno ou pelo site tudus.com.br

Mais informações: 62 3201-4684

 

FICHA TÉCNICA:

Direção: Rafa Ribeiro Blat

Texto: Célia Regina Forte

Elenco: Ivan Lima, Mauri de Castro, Jonatas Tavares, Cássio Neves

Realização: Cia. Arsênicos Carpintaria Cênica

 

Veja Também

Asfalto “sonrisal” que Caiado postou no Instagram foi construído por Iris e ação de Caiado na Caixa inviabilizou recuperação

Neste domingo, o governador Caiado postou foto de um buraco na GO-060 e disse que era "asfalto sonrisal". A verdade é que esse asfalto foi construído por Iris Rezende entre 1983 e 86. No governo passado, a Agetop fez trabalho de manutenção nesta estrada, mas serviço foi paralisado a cerca de 20 Km de onde hoje está o buracão. Os serviços da Agetop foram paralisados porque Caiado, na época, inviabilizou o empréstimo do governo de Goiás com a Caixa, em Brasília.

O post Asfalto “sonrisal” que Caiado postou no Instagram foi construído por Iris e ação de Caiado na Caixa inviabilizou recuperação apareceu primeiro em Goiás 24 horas.